INTERREG III A

Breve caracterização da
Ria Formosa

Sapal da Ria Formosa

A Ria Formosa corresponde a um sistema lagunar de grandes dimensões que ocupa parte da costa litoral do Sotavento Algarvio, estendendo-se por 60 km desde o Ancão (junto à Quinta do Lago) até à Manta Rota, atravessando cinco concelhos: Loulé, Faro, Olhão, Tavira e V. R. St.º António.

A Ria Formosa é separada do mar por um cordão dunar formado por duas penínsulas - Ancão e Cacela - e por cinco Ilhas-Barreira (Barreta, Culatra, Armona, Tavira e Cabanas), separadas entre si por Barras móveis ou fixas artificialmente. São estas Barras que estabelecem a comunicação entre a Ria e o Oceano Atlântico. Essas ilhas e penínsulas formam barreiras de protecção a uma vasta área de sapal.

Na Ria Formosa existem diferentes habitats dos quais se destacam as dunas, a laguna, as formações lodosas denominadas sapal e as zonas de mata.

O Parque Natural da Ria Formosa é considerado de grande interesse nacional e internacional devido à biodiversidade da flora e da fauna existentes e que propiciam inúmeras actividades económicas, nomeadamente a pesca e a piscicultura, a exploração de bivalves, a salinicultura e o turismo.

Para mais informações consultar:
www.icn.pt


© Copyright - 2004 : Câmara Municipal de Faro

Câmara Municipal de Faro Ministério de Hacienda